Banheiro de bolso é destaque em Circuito de Surf

Invenção será destaque em festival, em Santa Catarina, que apresentará atividades de educação ambiental e preservação da natureza
Educação Ambiental
Publicado em: 05/10/2018

O São Chico ECO Festival chega a Santa Catarina para fomentar atividades de preservação do meio ambiente. Entre os dias 5 e 7 de outubro, além das competições do Circuito Mundial da Wold Surf League (WSL), na Prainha, na Ilha de São Francisco do Sul, várias atrações estão programadas, entre elas atividades de educação ambiental e preservação da natureza.

Uma “Vila Ecológica” também será construída e nela serão instalados pela empresa Número 1 dois banheiros sustentáveis – sem instalação hidráulica, sem rede de esgoto e onde os resíduos poderão ser reaproveitados.

“Estamos muito contentes em fazer parte de mais esse projeto, demonstrando o potencial sustentável do nosso produto. Desde o início, a ideia era desenvolver uma solução com características de privacidade, higiene, praticidade e que fosse ecologicamente correta. E nada melhor do que um evento como esse para ampliarmos essa discussão tão importante”, destaca o catarinense Flavio Boabaid, responsável pelo Número 1 – Banheiro de Bolso Sustentável.

Seis linhas temáticas socioambientais serão exploradas durante o ECO Festival, como praia acessível para todos, ecoturismo, gerenciamento de resíduos sólidos na orla da Prainha, educação socioambiental, preservação e fomento à alimentação saudável. Será promovida ainda uma série de atividades para o público, em parceria com instituições renomadas internacionalmente, como a ONU, através da campanha Mares Limpos, Projeto Ecosurf, Projeto Route, entre outros.

Banheiro do futuro

Flavio Boabaid explica que o Número 1 é amigável ao meio ambiente, pois economiza água – dispensa a instalação hidráulica e rede de esgoto –, e assim não há necessidade de descarga de sanitários e nem torneira para lavar as mãos, que são higienizadas com álcool gel que acompanha o produto, gerando uma economia de até 30 litros de água a cada usuário.

Com a solução, homens e mulheres de todas as idades podem fazer xixi em qualquer lugar que ofereça um mínimo de privacidade. O produto tem o formato de um envelope de 17X17 cm e se abre como uma carteira. É composto internamente por uma manta de celulose reciclada, que proporciona absorção de até 700 ml de urina em poucos segundos, livre de odores.

Lixo Plástico

Outro causador da poluição dos oceanos e que vem sendo combatido fortemente no mundo todo, é o plástico. Para o Número 1, por exemplo, Boabaid investiu em estudos e pesquisas para produzir uma embalagem de plástico reciclado e biodegradável, podendo ser descartado no lixo convencional e que se decompõe mais rapidamente no ambiente.

“Esse plástico é tratado com um novo aditivo, uma resina especial, que o transforma em biomassa, H2O e CO2 em apenas 24 meses, sendo totalmente absorvido pelo meio ambiente sem resíduos tóxicos na sua decomposição”, completa.

O resíduo, que não tem odor, pode ser destinado a aterro sanitário, compostagem, usado como adubo orgânico ou na produção de biogás. “Estamos estudando com o Departamento de Ciências Agrárias da Universidade Federal de Santa Catarina e com o Centro de Pesquisas do Exército, a colocação de sementes dentro do Número 1, assim, quando a pessoa jogar o produto usado no lixo, na verdade estará plantando uma árvore – isso porque a urina é rica em nitrogênio, ureia, fósforo, fosfato sendo um adubo natural”.

O Número 1 já foi testado e aprovado por cadeirantes, idosos e demonstra que pode ser usado em muitos outros casos em que a pessoa não tenha um banheiro próximo e precise atender suas necessidades de maneira limpa, sem odor e com independência.


Postar comentário