Brasil tende a não cumprir suas metas climáticas

Projeção foi feita com dados até 2017
Da Redação / Ecológico - redacao@souecologico.com
Política Ambiental
Publicado em: 02/10/2019

Projeções conservadoras feitas pelo Observatório do Clima (OC) dão conta que o país deverá emitir mais de 2,12 bilhões de tCO2e no próximo ano, embora tenha se comprometido em Copenhagen, em 2009, a reduzir suas emissões para um valor entre 1,98 e 2,07 bilhões de tCO2e, o que indica que o país não cumprirá seus compromissos para 2020. O ministro do meio ambiente já disse por aí que o Brasil está cumprindo suas metas “de maneira exemplar”.

Vale ressaltar que a projeção foi feita com dados até 2017, não levando em conta, portanto, a disparada do desmatamento que vem desde o ano passado e que, se não for seriamente reduzido, fará com que as emissões passem longe das metas.

Agência Brasil
Agência Brasil

Quanto às metas de Paris, o OC enfatiza que “o país nem sequer apresentou um plano para implementar a NDC a partir de 2020. Ao contrário, as instituições do governo federal que deveriam elaborar e implementar esse plano foram extintas por Jair Bolsonaro e ninguém está cuidando disso hoje. Também parado está o Plano Nacional de Adaptação à mudança do clima, que é parte integral da meta brasileira em Paris. Ao deixar de cumprir as metas da lei de clima para 2020, o Brasil deve entrar endividado no período de cumprimento do Acordo de Paris, o que tornará a NDC mais cara e difícil de cumprir.”

Em tempo: lembrando que a unidade padrão para as emissões de gases de efeito estufa é a tonelada equivalente de dióxido de carbono que contempla o próprio gás e mais os efeitos sobre o aquecimento global de outros gases como o metano e o óxido nitroso.

Fonte: Climainfo


Postar comentário