Documentário sobre rompimento das barragens em Minas Gerais será exibido gratuitamente em São Paulo e Rio de Janeiro

Filme dirigido por André D'Elia é um dos destaques da Mostra Ecofalante de Cinema
Da Redação / Ecológico - redacao@souecologico.com
Mineração
Publicado em: 30/05/2019

Com previsão de estreia nos cinemas em 8 de agosto, o documentário "O Amigo do Rei", dirigido por André D'Elia, é um dos destaques da Mostra Ecofalante de Cinema 2019, com exibições de 133 filmes de 32 países em São Paulo e Rio de Janeiro até o próximo dia 12 de junho. A entrada é gratuita.

Considerado como o mais importante evento audiovisual dedicado ao tema socioambiental da América do Sul, a Mostra Ecofalante premiou em sua última edição "Ser Tão Velho Cerrado" do mesmo diretor como o "Melhor Filme pelo Público".

Híbrido de documentário e ficção que tem como tema o maior crime ambiental da História do Brasil, o rompimento da barragem da Samarco em Mariana (MG) e suas consequências, "O Amigo do Rei" acompanha de modo ficcional o cotidiano do deputado federal Rey Naldo nos bastidores do Congresso Nacional, mostrando as relações íntimas existentes entre política e mineração.

"O Amigo do Rei" é ao mesmo tempo um documentário investigativo e uma ficção alegórica que revela um sujeito político empresarial diluído na sociedade brasileira desde o período colonial.

O filme é uma produzido da Cinedelia e contou com o apoio cultural da O2 Filmes, da Quanta, da Mandril Áudio e faz parte do projeto de informação ambiental "Mar de Lama Nunca Mais". A distribuição nos cinemas é da O2 Play.

A trilha sonora é de Eduardo Bolzan e o filme traz também músicas de Criolo, Alex Buck, Orkestra Bandida, Alexandre Guerra, Manuel Boca, entre outros.

SERVIÇO

"O Amigo do Rei" direção André D'Elia (142 minutos)

Mostra Ecofalante de Cinema 2019

Para informações sobre sessões e locais consulte o site ecofalante.org.br.

Fonte: Agência Lema


Postar comentário