ICC lança coalizão global pelo clima

Empresas brasileiras já podem aderir e compartilhar suas iniciativas com companhias de outros países
Da Redação / Ecológico - redacao@souecologico.com
Clima
Publicado em: 02/07/2019

A Câmara Internacional do Comércio (ICC) anunciou a criação da Coalisão das Câmaras pelo Clima (Chambers Climate Coalition). Como parte dos preparativos para a grande Conferência sobre Clima que a Organização das Nações Unidas (ONU) prepara para setembro, a ICC foi convocada a mobilizar sua rede de associados para conduzir e apoiar ações de peso contra as mudanças climáticas.

Domínio público
Domínio público

A coalizão oferecerá uma plataforma para que seus membros possam demonstrar e incentivar ações alinhadas com o Acordo de Paris e com as mais recentes pesquisas científicas sobre clima. Será também uma importante oportunidade para mostrar como os membros da ICC ao redor do mundo podem exercer um papel relevante na transição para um planeta mais limpo e resiliente.

Mais de 300 câmaras de comércio já fazem parte da Coalizão. Os principais compromissos assumidos pelos signatários são:

- Advogar por ações climáticas em suas redes de negócios e por políticas bem concebidas com foco na mitigação do aquecimento global;
- Apoiar a meta de atingir zero emissões globalmente até 2050;
- Dar visibilidade a mitigação de mudanças climáticas em todas as ações das câmaras;
- Trabalhar com entidades públicas e privadas para apoiar soluções efetivas para o clima como parte de mudanças transformacionais que funcionem para as pessoas e para o planeta;
- Reduzir prontamente a pegada de carbono das atividades de cada câmara.

A ICC também endossa o Relatório Especial sobre Aquecimento Global de 1,5° C do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC). O documento propõe a meta de limitar o aquecimento global em, no máximo, 1,5° C na comparação com os níveis anteriores à industrialização. A entidade mobilizará seus membros para o desenvolvimento de propostas concretas na busca pela meta.

“O Brasil tem a oportunidade de exercer um papel preponderante na transição para um mundo mais limpo e sustentável. Temos um imenso potencial natural e nossas empresas estão na vanguarda do desenvolvimento de ações relevantes nessa frente”, afirma Gabriel Petrus, diretor executivo da ICC Brasil.

Fonte: Néctar Comunicação Corporativ


Postar comentário