Iniciativa arrecada lixo eletrônico em São Paulo

Cidade ganha os primeiros 15 pontos públicos de coleta de lixo em parques e prédios públicos
Reciclagem
Publicado em: 26/09/2018

A iniciativa do Turismo de Mônaco e do Movimento Greenk, que implantou coletores de lixo eletrônico (e-lixo) em São Paulo, já está gerando resultados importantes para o meio ambiente. Em menos de quatro meses, foram arrecadados 2.738 Kg de e-lixo. Com isso, 935 Kg de CO2 deixaram de ser emitidos na atmosfera e 9.403 kW/h de energia foram economizados.

No primeiro semestre de 2018, foram instalados os primeiros 15 pontos públicos de coleta de lixo eletrônico em parques e prédios públicos na cidade de São Paulo. O engajamento da população paulistana foi tão alto que, desde que foram implantados, já foram feitas 28 coletas. O ponto do Parque Ibirapuera é o mais ativo e já foi esvaziado seis vezes, arrecadando mais de 700 Kg, seguido do Parque da Aclimação, com 600 Kg.

Os coletores recebem diversos tipos de lixo eletrônico, como computadores (notebooks e CPUs), impressoras, celulares, tablets, monitores, acessórios, cabos e equipamentos eletroeletrônicos de pequeno porte.

O e-lixo é recolhido e transportado por empresas certificadas e homologadas pela Green Eletron. Os equipamentos que ainda estão em condições de uso são remanufaturados e doados para escolas públicas.

Já os produtos e peças que estão fora de uso seguem para uma empresa ambiental responsável por desmontá-los, de forma que os diferentes materiais sejam reinseridos na cadeia produtiva como matéria-prima.

A iniciativa, que conta com o apoio da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente, foi criada visando facilitar e incentivar o descarte correto de e-lixo em São Paulo (e no Brasil), além de conscientizar a população sobre a importância de se desfazer de materiais eletrônicos minimizando danos ao meio ambiente.

O Principado de Mônaco e sua população estão engajados em várias ações em prol de um futuro melhor para o planeta. Os projetos incluem desde incentivos ao uso de veículos mais sustentáveis à valorização da gastronomia orgânica, uso de energias limpas, proteção dos oceanos etc.

Confira os pontos de coleta em SP:

1) Parque Ibirapuera – Av. Pedro Álvares Cabral, s/n – Portão 3

2) Parque Trianon – Rua Peixoto Gomide, 949

3) Parque Prefeito Mario Covas – Avenida Paulista, 1853

4) Parque da Independência – Avenida Nazareth, s/n

5) Parque do Chuvisco – Rua Ipiranga, 792 – Jd. Aeroporto

6) Parque Lina e Paulo Raia – Rua Volkswagen, s/n

7) Parque Buenos Aires – Av. Angélica, 1.500

8) Parque do Povo – Av. Henrique Chamma, 420

9) Parque da Aclimação – Rua Muniz de Souza, 1.119

10) Parque Burle Marx – Av. D Helena Pereira de Moraes, 200

11) Parque Piqueri – R. Tuiuti, 515

12) Parque do Carmo – Av. Afonso de Sampaio e Sousa, 951 – Itaquera

13) Parque Vila Guilherme /Trote – Rua São Quirino, 905

14) Sede da Prefeitura de São Paulo – Viaduto do Chá, 15 – Centro

15) Prédio da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente – Rua do Paraíso, 387

Para mais informações acesse aqui.


Postar comentário