Macron quer abrir reunião do G7 discutindo a crise na Amazônia

Presidente da França mostrou preocupação com as queimadas no Brasil
Da Redação / Ecológico - redacao@souecologico.com
Política Ambiental
Publicado em: 23/08/2019

O presidente da França, Emmanuel Macron, postou no seu Twitter que a reunião do G7 deveria começar discutindo as queimadas na Amazônia, que chamou de “crise internacional” e “emergência”.

Divulgação/Emmanuel Macron
Divulgação/Emmanuel Macron

A reunião acontece neste finm de semana, em Biarritz, na França. A Revista Fórum e o UOL.

Também pelo Twitter, Bolsonaro chamou a declaração do presidente francês de “sensacionalista” e disse que a tentativa de tratar da Amazônia sem a presença dos países da região “evoca mentalidade colonialista”.

Fonte: Climainfo


Postar comentário