Ricardo Salles compartilha matéria antiga sobre o Fundo Amazônia e é desmentido

Material compartilhado pelo ministro do meio ambiente é de 2014
Da Redação / Ecológico - redacao@souecologico.com
Política Ambiental
Publicado em: 11/07/2019

O ministro do meio ambiente, Ricardo Salles, escreveu “sem comentários” no Twitter ao compartilhar no último sábado (6) uma matéria publicada em 2014 pelo Valor sobre uma iniciativa, então em estudos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a Organização das Nações Unidas (ONU) para Alimentação e Agricultura (FAO), que “auxiliaria dez países da Bacia do Congo a monitorar o desmatamento naquela região”. A questão é que o projeto jamais foi aprovado, não consta na carteira de projetos ativos do Fundo Amazônia nem entre as parcerias canceladas.

Reprodução/Twitter/G1
Reprodução/Twitter/G1

O G1 checou o tuíte e definiu como informação falsa a postagem de Salles. “Mesmo se isso tivesse ocorrido, não configuraria qualquer irregularidade. Isso porque o regulamento do Fundo Amazônia prevê o uso de até 20% dos seus recursos no apoio ao “desenvolvimento de sistemas de monitoramento e controle do desmatamento em outros biomas brasileiros e em outros países tropicais”. A informação está disponível no próprio site do Ministério do Meio Ambiente”, destacou o site.

Depois do constrangimento, o ministro Ricardo Salles apagou o tuíte.

Fonte: Climainfo


Postar comentário