Até 2100, temperatura média da Terra pode subir 3,4 ºC

Relatório é da Organização das Nações Unidas (ONU)
Matheus Muratori - portal@souecologico.com
Meio Ambiente
Publicado em: 24/09/2019

Por meio de um novo estudo, divulgado no último domingo (22), a Organização das Nações Unidas (ONU) emitiu um novo alerta a lideranças e governantes de todo o mundo. Segundo o relatório, a temperatura média do planeta Terra pode aumentar em até 3,4 ºC até o fim deste século, em 2100.

O documento é baseado em estudos científicos da Organização Meteorológica Mundial e outros órgãos especializados. A ONU divulgou o relatório um dia antes do início da Cúpula sobre a Ação Climática, que acontece desde essa segunda-feira em Nova York, nos Estados Unidos.

O relatório defende adoção de medidas para combater e neutralizar o aquecimento global. A média da temperatura do planeta de 2015 para 2019 será 0,2 ºC acima do período anterior de cinco anos. Além disso, ela é 1,1 ºC mais quente que os níveis pré-industriais de 1850 a 1900.

Tianjin, na China, sob forte Sol (Foto: Domínio público)
Tianjin, na China, sob forte Sol (Foto: Domínio público)

Outra preocupação da ONU explicitada no documento é em relação aos mares. O estudo aponta que o nível tem aumentado, contribuindo para um acréscimo de 26% na acidez desde o início do período industrial por causa da absorção do gás carbônico liberado na atmosfera pelo uso de combustíveis fósseis.

Os combustíveis fósseis, como carvão e petróleo, não passam impunes pelo levantamento. O estudo ainda os considera como principais causadores das emissões de gases de efeito estufa.

Na conclusão do artigo, consta a informação de que mesmo se os governos cortarem as emissões, como prometem há anos, a temperatura média pode aumentar 3,4 ºC até 2100. A ONU afirma que os países precisam se esforçar ainda mais para limitar o aumento em 1,5 ºC acima dos níveis pré-industriais.


Postar comentário